Ministério da Cultura, Britânia e Philco apresentam:

O que é o Pianíssimo?

O “I Pianíssimo, todos os pianos do mundo” foi detalhadamente pensado – e organizado – para ser um agente de transformação cultural. Um encontro de musicistas de distintos gêneros e estilos, que se apresentam em palcos também diferenciados – do teatro à rua, da escola de artes a restaurantes e bares. Durante cinco dias, de 19 a 23 de setembro, a maior cidade catarinense, a cidade da dança e das bicicletas, da indústria e das flores, se transforma na cidade do piano.

Para o litoral norte catarinense convergem os mais destacados musicistas de várias gerações e nacionalidades. A ideia original partiu de um sonho alimentado há muitos anos pelo consagrado pianista brasileiro Miguel Proença – cuja inquietude artística esteve sempre muito voltada a promover o aperfeiçoamento e o reconhecimento dos jovens talentos. O artista começa a concretizar a ideia de firmar o Pianíssimo como o principal meio para o desenvolvimento de músicos brasileiros e estrangeiros, proporcionando a valorização das mais variadas vertentes musicais onde o instrumento está presente.

Para isso, convocou o experiente produtor musical Carlos Branco, de Porto Alegre, e a joinvilense Albertina Tuma, que carrega em seu currículo de produtora cultural a criação de nada menos que o maior festival de dança do mundo, que em 2018 chegou à 36ª edição. Em torno deste eixo inicial, se associaram diversos outros profissionais e voluntários. Caso da pianista e professora Patrícia Macedo, diretora técnica do evento, além dos integrantes do Conselho do Pianíssimo (conheça a equipe completa aqui). O próprio Miguel Proença é o diretor artístico, com Carlos Branco na presidência da Comissão Central Organizadora e Albertina Tuma como coordenadora geral.

Patrocínio Master
Patrocínio
Apoio Cultural
Apoio
Apoio Institucional
Apoio em Serviços
Produção e Realização
Planejamento Cultural


Copyright © 2018 • Pianíssimo - Todos os Pianos do Mundo • Direitos Reservados